segunda-feira, 30 de julho de 2012

Poor Robert

Sinceramente, já tenho pena do Robert Pattinson. A Kristen com aquele ar de mosquinha morta lá lhe deu uma facadinha nas costas. Mas pobre rapaz, já tenho pena do que se diz dele por aí. Uma coisa que me faz espécie é porque é que se diz que ele é corno, mas ninguém fala no facto de ela ter sido uma vaca!!! Nunca gostei muito dela e agora... Ainda menos!

Contradições aqui da blogosfera

É quando nós, bloggers, temos mais tempo livre que menos escrevemos. É um facto e contra mim falo. A regularidade com que posto baixa imenso nos meses de Junho, Julho e Agosto. Talvez façamos do blog o nosso escape e quando estamos fartas de olhar para os livros ou mesmo de trabalhar, passamos aqui, escrevemos qualquer coisa e isso alivia-nos. É irrevogável que a quantidade de posts que tenho lido nestes dias baixou imenso! E isto passa-se com todos os blogs que sigo. Já cogitei várias razões, nomeadamente aquela que acima referi, o facto de termos mais tempo livre e portanto ocupamo-nos com outro tipo de coisas, a falta de ideias para escrever porque a vida de Verão é mais "lazy", o ir para fora e portanto estar impossibilitado de escrever, o arranjar novos hobbies. Enfim, toda uma panóplia de coisas que fazem a blogosfera adormecer nestes meses quentes. Eu sou muito sincera, às vezes venho para escrever aqui qualquer coisa, mas simplesmente falta-me o ânimo e a vontade... Espero que isto passe (a mim e às outras bloggers!!).

sexta-feira, 27 de julho de 2012

Nostalgia


Vou ter saudades vossas. Do nosso trio. Nova etapa, novas amizades, novos conhecimentos... Mas uma coisa é certa: a nossa amizade vai perdurar. M&C&J.

quarta-feira, 25 de julho de 2012

terça-feira, 24 de julho de 2012

8 sinais que mostram que ele não é o homem certo!

  1. Ele só pensa em sexo: em qualquer conversa ele evoca uma palavra mais "suja" e lança variadas indirectas. Isso significa que quer apenas uma relação onde não há espaço para o amor nem para o romance.
  2. Sabes pouco sobre ele: coisas simples como "onde mora?", "onde trabalha?", "com quem se relaciona?" são coisas que devem estar sabidas antes de um relacionamento mais sério e se ele não tas diz é mau sinal...;
  3. Ele não te coloca em primeiro lugar: um homem que te troca constantemente pelas novidades do Facebook, jogos de futebol, saídas com amigos, noitadas e etc. não te tem como prioridade. Uma vez ou outra, tudo bem, mas quando se torna rotina é um mau indício!;
  4. Tocam-se mais do que conversam: uma relação baseada na parte física e que não contempla um bom diálogo, com partilha de planos e ideais não será, com certeza, duradoura;
  5. Não consegues encontrar defeitos: ninguém é perfeito, nem mesmo o príncipe encantado, por isso se não lhe consegues encontrar defeitos ele provavelmente está a fazer tudo para agradar e isso, como sabemos, é solo de pouca dura, portanto ele não estará a ser totalmente genuíno e uma relação assim não tem futuro!;
  6. Ele é amigo de todas as ex: Ser amigo de uma ex namorada é normal, pode ter-se criado mais empatia, mas ter uma relação estreita com todas elas é estranho demais... Não?;
  7. Ele é rápido demais: Conhecem-se há um mês e ele já te quer apresentar aos pais. O amor leva tempo, é necessário desacelerar o ritmo para crescer um amor sólido;
  8. Mantêm o relacionamento em segredo: Obviamente que quando se começa um relacionamento não se tem de publicitá-lo, mas vivê-lo às escondidas sem motivo aparente pode ser um mau indício. Quando ele não quer que os amigos saibam que ele está com outra pessoa, faz com que te afastes da vida dele... E ele da tua!
Então meninas, ajudou-vos?!

Corrida Mortal 2


Disse há uns dias neste post que tinha visto o filme Corrida Mortal e, sabendo de antemão que já havia o 2, perguntei se era um filme que valia a pena ver. Recebi uma resposta afirmativa e portanto decidi ver o dito cujo. Tenho a dizer que gostei imenso! Este filme passa-se antes do outro, ou seja, quem ainda não viu nenhum deles, aconselho a que veja o 2 primeiro e depois o 1 porque assim vão ter a história organizada. Caso vejam primeiro o 1 e depois o 2, sentirão que o 2 é uma espécie de analepse do 1. A história segue a minha linhagem e há um personagem que se mantém nos dois filmes, o que estabelece um elo de ligação entre ambos, coisa que gostei bastante. Comparando um com o outro, pessoalmente prefiro o primeiro... Mas isso fica ao gosto de cada um! Acho que esta dupla merece ser vista.

domingo, 22 de julho de 2012

O passado é... presente


Fotografias, textos, dedicatórias, mensagens, registos, cartas... Tudo. São arquivos históricos, nem que seja somente para nós, mas são-no. Coisas que nos ligam a uma pessoa que já fomos e que certamente continuamos, de certa forma, a ser. Hoje dei por mim a rever várias fotos que tinha aqui pelo computador... Alguns print screens, documentos recebidos, textos guardados. Enfim. Em suma, pequenos tesouros que me permitem recordar de forma mais concreta pedaços de passado perdidos na história de uma vida. Senti uma nostalgia enorme ao ver tudo aquilo; ao sentir por vezes saudade, outras tantas tristeza, e em algumas até, uma felicidade que me levou a esboçar um sorriso. No fundo, todos aqueles pequenos arquivos são a minha história, fragmentos que ilustram a forma como vivi e as pessoas que constituíram a minha vida. Por vezes gosto de recordar estas coisas, não obstante de sentir uma melancolia intransitável, sinto também alegria. Percebo que passei pela plenitude de todos os sentimentos: amores inebriantes e ódios indomináveis. Percebo, acima de tudo, que a pessoa que sou hoje é fruto do meu passado, das pessoas que lá ficaram e daquelas que chegaram a este presente efémero que vivo. Sou feliz pelo que tive e realizada com o que tenho. E quanto aos pedaços vazios? Quem não os tem...?

sábado, 21 de julho de 2012

sexta-feira, 20 de julho de 2012

Aniversário das celebridades #38


A Sandra Oh, mais conhecida como Christina Yang para os fãs da Anatomia de Grey, faz hoje 41 anos! Como os nossos meninos do Seatle Grace cresceram... Não conheço muitos trabalhos desta actriz, a minha referência é mesmo a sua prestação na Anatomia de Grey e, apesar da personalidade dela ser um pouco implacável, eu adoro-a e acho que representa muitíssimo bem. Parabéns!

Não vos acontece?


Quando estão de férias nunca saberem a quantas andam? É nestas alturas que percebo como é que os meus avós se perdem nos dias. A minha vida funciona com "ontem", "hoje" e "amanhã". O dia da semana sei raramente, o dia do mês... Nem me perguntem. Vi agora que estamos a 20 de Julho ali no canto inferior direito do computador. O que significa que já faltou mais para zarpar daqui! ahah

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Corrida Mortal


O filme de hoje à tarde foi a Corrida Mortal, pela segunda vez.  Gosto imenso deste tipo de filmes cheios de acção, mistério e corridas de carros. Esta ideia é, à semelhança do que já se tem visto noutros filmes, um vislumbre um tanto ou quanto assustador do futuro. Não obstante, é totalmente o meu género de filme, com emoção até ao último minuto. O Jason Statham tem, mais uma vez, uma prestação irrepreensível. É um actor que tenho vindo a gostar cada vez mais, conforme os filmes que vou vendo. Podemos dizer que é um filme com final feliz e com muitas surpresas até acabar. Para quem gosta de uma boa corrida de carros, acção e mistério, este filme é perfeito!
P.S. Vi algures que havia a Corrida Mortal 2, mais ainda não tive oportunidade de o ver. Sei que não é com os mesmos actores. Alguém aconselha?!

Bedroom | Fotos

Decidi partilhar algumas fotos aqui do meu cantinho. Espero que gostem!










quarta-feira, 18 de julho de 2012

Sondagem Nº 33 - Qual destes locais mais gostavas de visitar?


As respostas a esta sondagem foram muito díspares, variando muito consoante o gosto particular de cada um. Pode dizer-se que não foi possível estabelecer um padrão! Aqui ficam os resultados:
1º Lugar - América do Norte - 22 votos - 30% da votação;
2º Lugar - Austrália e Nova Zelândia - 11 votos - 15% da votação;
3º Lugar - África - 10 votos - 13% da votação;
4º Lugar - Europa Central - 8 votos - 10% da votação;
5º Lugar - Europa Ocidental - 7 votos - 9% da votação;
6º Lugar - América Central - 4 votos - 5% da votação;
6º Lugar - Ásia Oriental - 4 votos - 5% da votação;
8º Lugar - Ásia Meridional - 3 votos - 4% da votação;
9º Lugar - América do Sul - 2 votos - 2% da votação;
10º Lugar - Europa do Leste - 1 voto - 1% da votação;
10º Lugar - Sudoeste Asiático - 1 voto - 1% da votação.

Perfect relationship

Piscina | Fotos

Ontem fui até à piscina, com o calorão que estava era impossível ficar em casa! Aqui ficam algumas fotos:




Mais um livro

Comecei a escrever um novo livro. Tenho a história na cabeça, mas não a consigo passar para o papel. Não sei, fica esquisito. Só consigo escrever quando estou triste e ultimamente não tenho andado propriamente feliz, pelo que comecei a dar asas a estas ideias de amor platónico guardadas dentro de mim. A história é bonita, diferente de todas aquelas que já idealizei. O meu problema é que não consigo ajustar as minhas ideias à minha escrita. É mais uma vez uma história de amor, como não podia deixar de ser, daquelas histórias de amor que eu gostava de ter (ou não, porque ainda não decidi o final das personagens), mas penso que o essencial da questão é a mensagem que pretendo transmitir. Preciso de ler algumas coisas na sequência deste tipo de livros, talvez vá até à biblioteca municipal alugar um livro para ver se me desenvencilho melhor com esta nova ideia. Só consegui levar um livro até ao fim, infelizmente. E quem o leu, disse que fez chorar (I'm glad with that!), eu própria chorei a escrever determinadas partes e pensava para mim "se estivesse a ler este livro, ficava a odiar o escritor", mas só até se escrever é que se percebe o que um escritor quer transmitir com determinada decisão a dada altura do romance (não que me considere escritora, "rabiscante" digamos). Gostava de acabar este livro, porque o anterior parou na página 40. Deixei de gostar daquilo, não sei... A história tinha muito para dar, mas a minha fluidez era diminuta. Como já disse, preciso de estar triste para me sair algo bom, estranho, eu sei, mas é a verdade. Amanhã vai ser um novo dia de rabiscos. Espero que a minha Satine acabe melhor do que a do Moulin Rouge, mas digo-vos, têm em comum muito mais do que o nome...!

domingo, 15 de julho de 2012

Digam o que disserem...


... eu amo este homem e acho-o o cúmulo da sensualidade.

sábado, 14 de julho de 2012

sexta-feira, 13 de julho de 2012

Aniversário das celebridades #37


Como o tempo passa. Nem queria acreditar quando vi a idade deste senhor. O nosso eterno Indiana Jones, Harrison Ford, faz hoje 70 anos. Ainda tenho aquela imagem super jovem dele em diversos filmes, e hoje deparo-me com o facto de ele ter praticamente a idade dos meus avós! Ainda és homem para mais um Indiana?! Ahah

Saudade


Quando a saudade é já um hábito, vivemos com ela, lidamos com ela, encaramo-la como um mero contratempo do dia a dia, presente na nossa rotina. No entanto, há dias em que a saudade entra de rompante e abala-nos com tal intensidade que voltamos a sentir tudo de novo, como no primeiro dia. É em momentos como este, em que estou aqui sozinha, perdida entre pensamentos, que a saudade vem ao meu encontro, com toda a sua veemência, e me faz sentir vazia, triste, como quem está perdida num deserto sombrio. A saudade é talvez dos sentimentos mais vorazes que existe, dos que mais nos destrói e nos desgostam. Talvez seja, até, aquele com o qual mais temos de lidar, sem a certeza de que um dia podemos saciar esta falta constante, por vezes adormecida, de algo ou alguém. Eu sou daquelas pessoas que acredita no destino, e que as coisas serão como têm de ser. Por vezes precisamos de espaço e tempo, para deixar as feridas sarar, para que os ódios sejam esquecidos e só o amor recordado, para que as discussões e as mágoas sejam apenas vírgulas em histórias cheias de palavras bonitas. Acredito que há algo dentro de nós que guarda o melhor que houve. Essa pequena chama reiterará até ao fim, até que a morte leve a réstia de vida que avassala os nossos corações. Nesta vida, ou na outra, tudo será o que tem de ser. Temos uma eternidade à nossa espera...

quarta-feira, 11 de julho de 2012

segunda-feira, 9 de julho de 2012

Adorava ser fútil

Adorava que a minha preocupação do momento fosse que pus uma nódoa na camisola. Adorava ficar triste porque já não há o número das calças que tanto queria. Adorava que o meu mundo ruísse porque o rapaz de quem eu gosto ainda não me ligou. Adorava endoidecer com os Saldos. Adorava chorar porque o meu batom preferido se estragou ou porque a minha base de eleição se esgotou. Adorava que o meu maior desejo fosse passar o dias nas compras, comer um iogurte integral a meio da tarde, ir ao cinema, estar com aquele rapaz super perfeito que todas as raparigas gostavam de ter, jantar num restaurante très chique e, por fim, dormir naqueles hotéis de 6 estrelas. Adorava que o meu sonho de vida fosse fazer pouco, casar com um rapaz podre de rico e ter uma longa vida fútil. Juro que adorava. Mas o que adorava mesmo... Era não estar nesta ânsia porque nem consigo ir ver as notas dos exames. Adorava não estar numa pilha de nervos com as candidaturas à faculdade. Adorava que o meu sonho de vida não fosse que o meu nome constasse na história e não fosse esquecido. Adorava ser só uma rapariga simples que quer tirar a sua positiva, ir para um curso qualquer e depois logo se vê. Adorava não sonhar tão alto. Adorava querer ser apenas mais um ser humano que vagueia na Terra. O pior? O pior é que não quero.

sábado, 7 de julho de 2012

Eu já não sei se sei o que é sentir

E digo-o em consciência. Não sei. Fico confusa com o que leio, com o que penso, com o que sonho, com o que os meus dedos vão escrevendo desenfreadamente quase sem me deixarem pensar. Às vezes penso em tudo, como uma retrospectiva. Desde há alguns anos para cá, até agora. Já cometi tantos erros, tantos, tantos... Eu que acho sempre que sei tudo, e talvez seja esse um dos meus piores defeitos, que tomo sempre as decisões em consciência, que sou uma pessoa ponderada e racional. Que oiço o coração, mas que insisto em aprisioná-lo e a dar lugar ao cérebro, acho que cometi erros demais. Erros irremediáveis que hoje não passam de manchas numa história que ficou por escrever. Penso se não teria sido melhor esquecer as outras pessoas, esquecer as adversidades, esquecer toda a racionalidade e seguir o que sentia, lutar contra o mundo, se fosse preciso, entregar o corpo, a alma e as entranhas. Mas eu sou assim, cobarde, medrosa, calculista, sensível, e depois fico-me pelo meio termo, pelo inacabado, pelo que podia ter sido e não chegou a ser. Acabo as histórias, muitas vezes, nos meus sonhos. Sonhos lindos, perfeitos, sonhos como eu idealizava a minha vida daqui a uns anos. Mas ao mesmo tempo... Sonhos tão irreais, que quando me apercebo que o são descarregam uma mágoa e um desgosto tão profundo que me limito a abanar a cabeça e a seguir com a minha vida. É confuso, tudo. Talvez eu própria seja confusa. A verdade é que já não sei. Já não sei nada.

Conversas entre irmãos

[Jogando àquele jogo em que se faz perguntas de "sim" ou "não" até se adivinhar a pessoa em questão]
Eu: É homem?
João: Sim
Eu: É famoso?
João: Sim
Eu: É actor?
João: Não
Eu: É cantor?
João: Não
Eu: É futebolista?
João: Sim
Eu: É português?
João: Não
Eu: É espanhol?
João: Sim
Eu: Joga no Real?
João: Não
Eu: Joga no Barcelona?
João: Não
Eu: Mas joga em Espanha?
João: Sim
Eu: Oh não conheço mais jogadores sem ser do Real e o Barça!
João: Este conheces mana! Fogo... Há uma pergunta bué óbvia que não fizeste.
Eu: É giro?
João: Não, mas também não é isso.
Eu: É bom jogador?
João: Não!
Eu: Ahhh, é o Roberto!

O nosso Roberto, tadinho... O pior guarda redes do Benfica que tenho memória!

The Amazing Spider Man


Fui à estreia do filme e gostei muito, apesar de estar à espera de melhor. Não é que o filme esteja mau, mas estava à espera de uma coisa mais diferente do primeiro filme e é igual em muitos pontos mesmo. Não obstante, tem muita acção, aventura, um romance (da praxe!) e algumas partes que fazem chorar (a mim fizeram, mas eu sou um bocadinho lamechas). Faz parte do elenco uma actriz que gosto imenso, a Emma Stone, e faz um parzinho super lindo com o homem aranha! Fiquei essencialmente desiludida com a última parte, apesar de se perceber a ideia, gostava de um reencontro mais efusivo. Acho que é a maior lacuna que aponto ao filme. Vale a pena ir ver!

quinta-feira, 5 de julho de 2012

Os Três Mosqueteiros


O filme de ontem à tarde foi Os Três Mosqueteiros. Estava à espera de uma coisa diferente, mas não fiquei desiludida. O elenco era muito bom, com o Orlando Bloom, dois actores do filme Rei Artur (um dos meus favoritos!) e o protagonista do filme Orgulho e Preconceito. Pelo que vêem, só pelos actores o filme promete! Estava à espera de um filme mais sério, ao estilo do Homem da Máscara de Ferro que, para quem viu, também fala dos três mosqueteiros, mas este surge de maneira diferente, com acção e muita comédia à mistura. Fala de traições, de faces duplas, de amor e de coragem. É um bom filme, mais que não seja dá para termos uma tarde bem passada. Eu gostei imenso e aconselho. Se quiserem saber mais sobre ele, visitem esta página.

quarta-feira, 4 de julho de 2012

The Lucky One



Fui ver o filme ao cinema e gostei imenso! É aquele filme típico de raparigas, mas a história está muito gira. Um pouco previsível, assumo, excepto a última parte, não estava nada à espera que aquilo acontecesse. De resto, era fácil prever os acontecimentos que se iam sucedendo. Acho que o livro deve estar muito bom pois, apesar de não ter lido este, conheço a forma de escrever do Sparks e há lá várias cenas que me fazem começar a imaginar as descrições estupendas que ele faz! O Zac Efron está giríssimo e faz um par fantástico com a Taylor Schilling. A avó também é super engraçada e o melhor deste filme é que dá para tudo - desde rir a chorar - o que faz lhe confere versatilidade! Óptimo para uma tarde de amigas. Aconselhado, um belo romance!

You don't...

terça-feira, 3 de julho de 2012

Velho vício

Nas férias jogo sempre Sims. Sempre. Ontem tive uma ideia para uma família e viciei. Hoje apetece-me viciar mais um bocadinho. O que vale é que este vício passa rápido, assim que são concretizados todos os objectivos que nós próprios criámos para uma família. Ai Sims, és o melhor jogo de sempre, amigo!

Gossip Girl | Love quote

segunda-feira, 2 de julho de 2012

Aniversário das celebridades #36


A nossa "menina" já conta 27 anos! A Ashley Tisdale tem um ar muito jovem, é certo, e engana bem a idade que tem. As únicas recordações que tenho dela são do High School Musical e do Hotel Doce Hotel. Tem um ar um pouco irritante, é verdade, todavia penso que isso é um pouco derivado dos papéis que faz. Mas que é linda, isso é!

Praia | Fotos







P.S. Peço desculpa pela má qualidade das fotos, foram tiradas com o telemóvel!

Aquelas conversas obscenas de praia

Estava eu na praia a trabalhar para o bronze quando ouço uma conversa atrás de mim, algo deste género "ela chamou-me porque o namorado não lhe dá prazer. E eu lá fui, pronto." Epá. Por amor de Deus. Na praia ouve-se tudo. Mesmo que uma pessoa não queira, quando está de papo para o ar, a apanhar os seus banhos de sol, ouve tudo e mais alguma coisa porque há uma calma circundante que permite que até os sons mais ínfimos trespassem o tímpano. Mas melhor, esta conversa foi tida em grande berraria por um gabarolas qualquer com os seus 16-18 anos. Uma pessoa não merece ouvir isto. Tristeza.