quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

E quando vou para chorar penso...

que importância vai isto ter daqui a 5 anos? Nenhuma. E aí sorrio e sigo em frente.

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Miscelânea sobre os Óscares

Estive a ver os Óscares e, como gostava de abordar várias vertentes, vou dividir este post em assuntos! Assim falo de tudo o que gostaria sem ter de fazer vários posts e sem emaranhar tudo num texto corrido. Então aqui vai:

  1. Jennifer Lawrence VS Naomi Watts e Emanuelle Riva como melhor actriz principal - Fiquei desiludida. Não vi o filme Amour, mas pelas pequenas apresentações que foram surgindo e pelas críticas muito positivas que li anteriormente não só à produção fantástica do filme como também ao soberbo papel de Emanuelle Riva esperava que fosse esta actriz a ganhar o Óscar. Vi o Impossível com a brilhante interpretação da Naomi Watts e fiquei fã desta actriz desde que vi aquele papelão! Vi, claro, o Guia Para Um Final Feliz e achei um filme muito rudimentar, com poucas surpresas, uma história não muito brilhante, não sei, pode ser apenas a minha falta de cultura cinematográfica que não dá o devido valor à Jennifer... Penso que não fez nenhuma interpretação brilhante e digna da estatueta dourada... Não que a ache má actriz, nada disso, aliás gostei imenso da sua prestação nos Hunger Games! Apenas, não sei, penso que ser galardoada quando está lado a lado com senhoras que tiveram um papel fabuloso como a Naomi e a Emanuelle, parece-me a mim, leigamente falando, injusto. Quanto às outras nomeadas não tenho ideia nenhuma das suas prestações, por isso não me posso manifestar. P.S. Gostei imenso da miúda de 9 anos nomeada, não conheci o trabalho dela, mas pelo pouco que mostraram, a minha vénia, que espectáculo.
  2. Anne Hathway como melhor actriz secundária - Já conheço o trabalho desta lady há um tempo, começou com filmes sem grande projecção, coisas de princesas e encantamentos e etc, basicamente filmes de sábado à tarde e eis que ganha este óscar cheia de pujança, com suor e lágrimas e muito, muito talento. Não vi o Les Misérables, mas passou a ser um must watch desde a gala dos óscares. A verdade é que nunca fui extraordinariamente fã de musicais no entanto, este merece ser visto. Mais que não seja pela curiosidade de ver o papel da Anne, do Hugh e da Amanda! Penso que este óscar foi muito merecido pelo pouco que vi do filme e pelo muito que ouvi falar. Fiquei felicíssima por ela!
  3. Kristen Stewart, a eterna mosca morta - Mas que figura foi aquela que foi fazer para dizer os nomeados? Por amor de Deus, já para não falar do cabelo péssimo, horrendo e completamente ascoroso para uma gala daquela envergadura, ainda foi a coxear e com um ar de frete que nossa senhora. Eu já lhe tenho um ódio de morte e, depois de figuras como aquelas, ele só cresce! Estava a dizer o que tinha a dizer com uma cara de enjoo, um ar de suplício que não se viu em mais ninguém! Não compreendo esta menina, juro que não.
  4. Morte de Michael Clarke Duncan - Não sabia que este actor tinha morrido e fiquei estupefacta quando vi a imagem dele a passar na TV dos tributos às figuras de Hollywood que já nos tinham deixado. Gostei imenso dele no filme A Ilha e também no Rei Escorpião (são os que me recordo de momento) e pronto, não tem muito a ver com os óscares, eu sei, mas achei que devia mencionar aqui este grande actor que nos deixou cedo demais.
  5. Charlize Theron, a princesa da noite - Aquela dança maravilhosa, aquele vestido magnifico, meu Deus fiquei extasiada! Mesmo não gostando de a ver de cabelo curto (mas eu sou mesmo anti cabelos curtos), penso que ela estava linda de morrer, uma princesa! E claro, o momento em que dançou com o tão adorado Channing foi magistral. A doçura, a simplicidade, a elegância. Fiquei rendida aos encantos desta senhora de Hollywood.
  6. Família e profissão - Reparei que todos os galardoados tiveram o cuidado de agradecer não só àqueles com quem trabalharam diariamente e que permitiram o sucesso que obtiveram e consequente reconhecimento, como também à família, nomeadamente ao husband and wife. Todos eles, ou praticamente todos, agradeceram o prémio àquela pessoa que partilha a vida com eles, que os apoia, os ajuda e aconselha. Àquela mesma pessoa que escolheram para viver a seu lado todos os dias das suas vidas. A prova irrefutável de que o amor e o sucesso a todos os níveis estão intimamente relacionados.
Celebremos o amor, o sucesso, as vitórias e as derrotas, afinal de contas são estas coisas que fazem com que o nosso dia a dia seja melhorado e são estes actores, produtores, realizadores, encenadores e todos aqueles do mundo do espectáculo que nos permitem ter passatempos, viajar para novas realidades. Aos Óscares de 2013 que foram brilhantes.
P.S. Não vou falar do melhor filme porque ainda não o vi, mas tenho definitivamente de ver! Um filme galardoado com um Óscar merece sempre ser visto. E quanto a ser a Michelle Obama a anunciar o Óscar, adorei.

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Man of my life

Há segredos que a vida guarda que eu desconheço totalmente. Não consigo compreender vários porquês. Se eu quero e tu queres porque é que não resulta? Porque é que existem factores externos que não deixam que levemos a cabo algo que já construímos há tanto tempo atrás? Fico a olhar para as fotos, para os textos escritos e sinto que é tudo tão verdadeiro... Às vezes tento imaginar o futuro e não consigo fazê-lo sem que faças parte dele. É que, por mais episódios que a minha vida tenha tido, tu és o episódio final. E quando penso na pessoa que me espera no altar, penso em ti. E na pessoa que me fez mais feliz, penso em ti. Às vezes acho que o que me falta é força. Mas sempre fui assim, sabes? Nunca lutei muito pelo que queria, sempre preferi aceitar o fim quando não dá. Contigo é diferente. Tento seguir em frente, tento que tudo pareça bem à minha volta, mas a verdade é que não me desprendo de ti, de nós, do que fomos e poderíamos ser. A vida dá muitas voltas, tantas! E eu acredito no destino, que duas pessoas estão destinadas a estarem juntas. E que só há uma cara metade para cada um de nós. Sabes aquele brilho nos olhos quando se fala de uma pessoa? Elas dizem que só o tenho contigo. A vida dá-me pistas de que erro, sussurra-me o que devo fazer, mas eu ignoro, na esperança de encontrar a felicidade sem tanto esforço. No entanto, quando me deito na almofada, mesmo antes de adormecer, vejo-te à minha espera de smooking e com a mão esticada e, quando os nossos olhares se tocam, eu sinto que posso dormir em paz, porque tu estás sempre comigo, mesmo que não estejas.

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Amor é...

quando ele passa uma hora na Douglas comigo a escolher uma sombra sem fazer birra e a ajudar-me!

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

"Prostituição" nos dias de hoje

Continua a haver a típica prostituição, é claro, a mais velha profissão do mundo. Contudo é da "prostituição" que estou a falar. Raparigas (e rapazes também!) que se oferecem a troco de nada. E, quando dizemos que uma rapariga é vadia, porca, oferecida e etc etc se, por vezes, é por inveja, que também as há, outras é porque elas realmente (e digo elas porque, infelizmente, a rapariga que anda com muitos ainda é tida como porca e ele como garanhão) são umas valentes levianas. E estas novas "prostitutas" são de graça, dão-se com tal facilidade que eles nem têm de se esforçar muito. Não se importam de ser "a outra", aquela que é utilizada para eles traírem as namoradas quando estão fartos do tédio da relação. E, como geralmente estas personalidades devem pouco à inteligência, ainda se acham as maiores porque foi com elas que ele traiu a triste que ficou em casa à espera da mensagem a dizer "amo-te muito", mas não, queridas, vocês são somente usadas como objecto sexual, como simples instrumentos que os fazem sair da rotina porque, à noite, não é em vocês que eles pensam, mas sim naquela rapariga certinha, querida e com cabeça com quem eles se imaginam o resto da vida e não com vocês. Contudo lá está o acefalismo em evidência - vocês acham-se as mais importantes quando, na verdade, são nem mais nem menos que a escapatória. E, claro, o melhor disto tudo é que eles agora não precisam de pagar, têm tudo de borla, muitas vezes até com insistência das ditas "mulheres" que se esbanjam no leito deles sem que eles tenham de mexer um dedo. A facilidade nunca cativou nenhum homem, meninas, todo o homem (que é homem!) gosta de mulheres que dão luta, que são difíceis, que não se entregam logo, que os faz ter de lutar e dar valor. Todavia, isto é difícil de entender para meninas que estão sedentas de serem as mais populares, as mais conquistadoras, as que têm mais likes no facebook (lol). Geralmente, estas ditas cujas não suportam a felicidade alheia, intrometem-se na vida dos outros, já que a delas é a pobreza que se vê, e não suportam os sorrisos, a felicidade, o amor vivido por um casal porque, no fim, elas não sabem o que é ser amada como a principal, somente usada como "a outra"...

Letters to Juliet & Leap Year

Letters To Juliet


Vi este filme há pouco tempo e gostei. É um típico filme romântico para uma tarde em que não temos nada para fazer. Não o posso considerar uma fabulosa produção cinematográfica, não obstante tem uma história que me encantou: a busca de um velho amor. Sem querer desvendar muito acerca do enredo posso dizer-vos que terá muitas surpresas, do início ao fim. Conta ainda com a participação de uma actriz que tenho vindo a gostar imenso: Amanda Seyfried. A rapariga com aquele seu ar dócil tem vindo a fazer as minhas delícias desde o filme Dear John e agora contracena com um galã que também é qualquer coisa! Quem gosta de um romance sem grande adrenalina, mas com muito amor, aconselho este filme.
Nota: 6

Leap Year


Este filme e o que ainda acima falei têm uma semelhança engraçada e achei particularmente piada derivado de ter visto um deles depois do almoço e outro ao final da tarde, um a seguir ao outro, e tocarem-se naquele ponto fulcral (se virem os dois, perceberão!). Mas isso não tem necessariamente a ver com o filme. Portanto, gostei menos deste do que do acima mencionado, para já porque este foi produzido nos cenários da Irlanda que, como penso que sabem, é um país chuvoso, enublado, escuro... E esse tempo encoberto não me seduz como fundo para a acção. Todavia, a história está também ela caricata, mas muito previsível. É também uma história de amor porém, contrariamente ao Letters To Juliet em que se nota que ele e ela estão caidinhos um pelo outro, neste penso que a interpretação dos actores está um pouco fraca. Resumindo: não gostei tanto, comparativamente.
Nota: 5

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Derreada

Hoje foi dia de praxe. Retomei a vida universitária as 8h da manhã e só tive descanso por volta das 18h! Já não fazia tanto exercício físico em alguns meses: eu era flexões, eu era abdominais, eu era elevações, eu era correr, eu era rastejar... Eu sei lá! Estou extenuada, preciso de uma boa noite de sono e amanhã voltamos ao novo ritmo.

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Sweet nineteen

Fiz 19 anos na passada terça feira, dia 12 de Fevereiro, pelo que fiz o jantar de aniversário no sábado passado. Queria agradecer a todos os que foram, gosto muito muito muito de vocês meus príncipes e princesas: Cátia, Marta, Andreia, Zé, Igor, Daniel, João Mendes, Belinha, Jaquim, Rendas, João Diogo, Nuno, Gameiro, Inês, Catarina e Mariana! São os melhores! Gostava de partilhar com os queridos seguidores algumas fotos da noite! Eu sou a menina de vestido preto com brilhantes! ahah










Thank you all, love you <3

Gosto mesmo


de surpresas. Acho que já disse isto aqui, mas volto a dizer, adoro surpresas. Adoro quando me fazem uma surpresa. Mas gosto tanto, tanto...!

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Sondagem Nº 36 - Qual destas personalidades mais te inspira?

Achei, por graça, averiguar que personagem mais inspira aqui os meus visitantes. Aqui deixo os resultados das vossas opções:


  • 1º lugar - Fernando Pessoa - 17 votos - 29% da votação - Dispensam-se apresentações para este senhor (acho que também foi a minha opção!). O maior génio da literatura portuguesa, a meu ver claro. Com uma capacidade de despersonalização incrível e inigualável, as suas obras são de um esplendor máximo, intitulando-se ele mesmo o "super Camões";
  • 2º lugar - Albert Einstein - 11 votos - 18% da votação - Aqui encontra-se outro génio, desta vez da ciência. O termo "génio" ficou mesmo sinónimo de Einstein. Aqui ficam algumas curiosidades que eu sei acerca deste senhor já que o admiro mais que tudo: Einstein tinha más notas na escola porque por um lado não compreendia a matéria ensinada já que não fazia sentido (daí ele ter proposto uma nova teoria) e, por outro, porque nunca teve facilidade em línguas e letras e etc; Para além de um génio como já se tem conhecimento era um homem extremamente bondoso; Quando descobriu a fórmula que permitiu a construção da bomba atómica (E=mc^2) excomungou-se porque se sentiu culpado por todas as catástrofes que adviriam da sua descoberta (...);
  • 3º lugar - Kurt Cobain - 10 votos - 17% da votação - O grande vocalista dos Nirvana é uma inspiração para muitos jovens (e não jovens!) dada a sua irreverência e dotes musicais. Outra personalidade que não escapou à saga dos 27...;
  • 3º lugar - Marilyn Monroe - 10 votos - 17% da votação - A nossa querida diva do cinema, ícone de beleza e sensualidade que causa inveja a todas as mulheres do planeta. Não sei se todos sabem, mas esta mulher teve diversos problemas na infância/adolescência, vivendo em orfanatos e etc. Teve um enorme sucesso no século XX sendo uma das impulsionadoras para a emancipação da mulher!;
  • 5º lugar - Beyoncé - 6 votos - 10% da votação - Uma estrela pop que está na berra que encanta as mulheres (e os homens, claro!) do mundo actual. Tem, como se costuma dizer, um vozeirão, impressionando não só por isso como também pelo seu corpo escultural, as suas feições belíssimas e claro, o seu gosto soberbo para a moda!;
  • 6º lugar - Bob Marley - 4 votos - 6% da votação - Surpreendeu-me este senhor ter tão poucos votos, já que é tão apreciado e as suas frases são quase lendárias. Rei do Reggae, as suas músicas são, ainda hoje, um hino aos valores éticos e morais. Um senhor imortal cuja vida é muitas vezes retratada através de 1945 - 
E que tal, surpreendidos com os resultados? Continuem a votar, adoro aferir estes gostos pessoais! ahah Beijinhos *

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Cala-te Joana Filipa

Hoje escrevi um texto grande, bonito, sentido, de coração. Mas escrevi-o no meu diário. Porque se o escrevesse aqui... Ui! Nem quero imaginar certas reacções.

Dia dos Namorados

Uma data especial para os casais, frustrante para os não correspondidos, indiferente para os solteiros e talvez só mais um dia para a maioria das pessoas. Tal como no Natal se celebra o nascimento de Cristo, na Páscoa a sua ressurreição, no Dia da Mãe a nossa querida mãe, no dia do Pai o nosso querido pai (and so on...), interpreto este dia mais como uma chamada de atenção do que outra coisa! É, talvez, um pretexto para o "amo-te" ser exagerado, o mais-que-tudo mimado e bajulado, haver uma surpresa, uma carta de amor, uma rosa vermelha e tantas outras coisas que ficam ao critério dos mais criativos! Sou uma romântica incurável *cof cof* e, como tal, acho este dia super fofinho, que merece ser apreciado do início ao fim! Digam o que não dizem nos outros dias. Cometam loucuras. Façam a pessoa que mais amam a mais feliz do mundo. Afinal de contas, só vivemos uma vez e que o máximo de coisas não fique por dizer. Feliz dia dos Namorados para os apaixonados, para os que amam e sabem o que é amar, até para aqueles que vivem de memórias e de amores passados. Eu vou só ali abrir a minha caixinha das cartas antigas e já venho...

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Belezas em filmes de terror!

Meu deus, estas maquilhagens e efeitos especiais são simply awesome! Fiquem com algumas imagens de raparigas bem giras que ficaram praticamente irreconhecíveis:















Retirado daqui

sábado, 9 de fevereiro de 2013

LIBERDADE


Nunca me soube tão bem esta sensação de liberdade! Acabou um mês de exames, de estudo, de sebentas e calhamaços espalhados pela secretária. Posso fazer o que quiser e bem me apetecer (pareço uma criança eu sei, mas este mês matou-me!). Não só pelos exames, mas também porque tive um problema grave a nível familiar que me abalou completamente. Passei a 4, falta saber a nota de dois, mas sinceramente estou tão feliz com a minha liberdade que "I don't give a shit if I fail the two last ones", até porque como quero desistir do curso, whatever, venha o que vier! Agora vou ver TV (que já nem me lembro da última vez que me sentei livremente sem remorsos porque devia estar a estudar!), jogar o meu belo Sims, sair, ir a festas, ao café, ler, passear e tudo mais. Freedom é a palavra de ordem de hoje!

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Primeiro susto como condutora

Ontem, ia eu no carro, a conduzir, quando olho para o lado e vejo uma pessoa parecidíssima com um amigo meu, se é que lhe posso chamar assim. O impermeável castanho era i-g-u-a-l, o cabelo claro e os ténis desportivos. O sol estava a encandear-me os olhos, então esforcei-me por fixar o rapaz que estava junto à paragem do autocarro. E o trânsito estava a andar lento, por isso continuei devagar. Eis que à frente há uma passadeira e o carro que estava à minha frente trava de repente. Olhei para a frente do nada e pumba, prego a fundo. Não bati, travei ainda com alguma distância, mas para uma inexperiente condutora como eu... Foi o primeiro susto, vi a vida a andar para trás!! Conclusão: nunca mais olho para o lado a conduzir, nem que me pareça o Brad Pitt!

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

Ódios de estimação

Fazer a cama é um deles. Odeio, que preguiça!!

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Coisas (des)agradáveis

Ia eu no barco e eis que se senta ao meu lado um senhor que emanava um cheiro que não queria recordar! Não é que o perfume fosse mau, de todo, simplesmente é um perfume que me traz memórias no instante em que me dei conta do cheiro. A minha loooonga viagem de aproximadamente 10 minutos foi numa constante guerra interior.

domingo, 3 de fevereiro de 2013

E vão 4!

Botânica Farmacêutica feita com 14. *Eu orgulhosa de mim por não estar super aplicada e a passar* yey!

Pilha-de-nervos

Não é que queira continuar o curso de Ciências Farmacêuticas porque não suporto de todo estas químicas e o semestre que vem então é de morrer - duas químicas e uma física (que para mim ainda é pior!), portanto se para o ano não conseguir Medicina não sei que vou fazer (ainda não tenho plano B!), mas para aquele curso é que não volto. No entanto, gostava de fazer as cadeiras do primeiro semestre, só mais para o ego do que para outra coisa. Mas só para verem a minha aplicação, amanhã com exame de Matemática cheguei agora a casa, ainda vou tomar banho, esticar o cabelo, pintar as unhas e só depois é que vou rever as últimas coisas. O interesse é pouco, mas até agora tenho passado às cadeiras por isso gostava muito de ver um 10 na pauta... Enfim, estou nervosa especialmente porque apesar de ter estudado sinto que podia ter feito muito mais, mas quando se faz o que não se gosta, pronto vocês percebem...! Whatever, pray for me, please

sábado, 2 de fevereiro de 2013

SAUDADES

Que saudades de ter português, inglês, psicologia, biologia... Agora ando a deitar química e matemática pelos olhos! Poor me, que cadeiras de merd*

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Desafio: 10 coisas que gosto e 10 coisas que não gosto


Desafio deixado pelo Bernardo do blog Apontamento

Este desafio consiste em dizer 10 coisas aleatórias que gostam e, outras 10, de coisas que não gostam.

Regras:

- ser o mais aleatório possível
- ser o mais criativo possível ( não fugindo da realidade )
- não repetir os mesmo temas
- dizer o blog que vos desafiou 

Divirtam-se e, fiquem a conhecer mais uns dos outros!

______________

gosto de passear à beira mar e ver o pôr do sol
gosto de andar de mão dada
gosto de gelado de Stracciatella com cobertura de chocolate
gosto de ver filmes de acção
gosto de ficar a fazer "ronha" na cama ao acordar
gosto de fazer cócegas ao meu irmão
gosto de ter uma mensagem de bom dia quando acordo
gosto muito de surpresas
gosto de ver a Anatomia de Grey
gosto de cartas/textos de amor

não gosto de física nem de química
não gosto de fruta nem legumes
não gosto que me ignorem
não gosto que me façam ciúmes
não gosto de ver lavatórios sujos
não gosto de estar chateada com quem gosto
não gosto de ficar com o cabelo oleoso
não gosto de fazer a cama
não gosto que os ovos estrelados fiquem rebentados
não gosto que o Benfica perca

Deixo este desafio àqueles que me seguem e lêem o blog!

10 dicas para uma boa vida a dois:

Por vezes é complicado gerir uma relação e vi por aí algures uns conselhos para uma vida saudável a dois. Aqui ficam as dicas (e a minha opinião acerca delas à frente!):

  1. Nunca se irem deitar chateados - por acaso é uma coisa que tento fazer! Ir dormir chateada com a outra pessoa só gera mais desconforto. É certo que há coisas que se têm de resolver melhor no outro dia, mas tento sempre amenizar a situação;
  2. Não atirar coisas à cara um do outro - dizer que "eu fiz isto e isto e mais aquilo e o outro por ti" só numa de atirar à cara numa discussão é a pior coisa que se pode fazer porque parece que essas tais coisas não são feitas de coração! Também é algo que tento evitar ao máximo;
  3. "Birrinhas" de ciúmes são saudáveis, mas guerras monumentais não - apoiadíssimo! Toda a gente gosta de sentir que o nosso mais que tudo sente pequenos ciúmes porque isso mostra que se interessa por nós. Mas quando esses ciúmes passam a discussões já não é tão bom! Eu tenho de admitir que sou (um bocadinho) ciumenta e às vezes pronto... Passo-me!;
  4. Não mentir/omitir - esta devia ser das primeiras regras para uma relação saudável! Não sou a favor de mentiras piedosas, na altura cai sempre bem, mas quando descobertas geram uma confusão enorme! E um acontecimento que seja explicitado sem mentiras pode ser muito mais facilmente perdoável do que quando é descoberto ao acaso;
  5. Confiar (não cegamente!) - a confiança é a base de qualquer relação, até aí apoio totalmente, mas aqueles parêntesis também são importantes! Todos nós sabemos que o amor nos "cega" e se não podemos estar constantemente a desacreditar na pessoa que está ao nosso lado, também não podemos ser cegos ao ponto de acreditar em qualquer história!;
  6. Não falar de ex-namorado(a)s - eu concordo e apoio mas já se sabe que mais tarde ou mais cedo esse assunto acaba sempre por vir à baila!;
  7. Fugir da rotina - os relacionamentos que entram naquela rotina monótona de fazer sempre o mesmo cansam, por isso há que inovar e pensar em novos programas, sair com amigos, ter novas ideias e visitar novos sítios a fim de dar dinamismo à relação, totalmente a favor;
  8. Elogios são sempre bem vindos - se são! depois queixam-se que elas e eles falam com outra pessoa, muitas das vezes nem querem nada com os ditos cujos, mas toda a gente precisa da auto estima elevada e quando a pessoa que está connosco não o faz...! Por isso não se esqueçam de dizer que somos bonitos/as como diziam no primeiro mês de namoro ahah;
  9. Não ser vingativo - concordo imenso, ser vingativo numa relação é péssimo, mas eu tenho de admitir que sou muito vingativa. Se me fazem algo de mal, eu não descanso até fazer igual ou pior. Nada de grave, mas se não me falam durante uma hora, eu hei-de demorar duas a responder! E se vão sair com amigos porque é que eu depois não hei-de sair também? Se ele não gosta cá dessas coisas, eu também não, por isso azar, vingança! ahah;
  10. Não esquecer datas importantes - não sei se eles (homens) ligam tanto, mas as mulheres tendem a ficar profundamente feridas se eles não dão atenção a um dia que seja especial para ambos! Por isso tentem não se esquecer das datas mais importantes (nem que seja com lembrete no telemóvel!!)
E que tal? Vocês aplicam estas "regras"? Ou também infringem uma ou outra?