terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Florbela Espanca diz:

«Eu não sou boa nem quero sê-lo, contento-me em desprezar quase todos, odiar alguns, estimar raros e amar um.»

1 comentário:

Rita disse...

ainda bem que gostaste! xx