quarta-feira, 11 de maio de 2011

Os meus momentos de perversidade (não intencional!)

[Algures no meio de uma conversa de mulheres]
Stora da explicação: Agora calhava-te bem era o Harry oh Joana.
Joana: Nem me diga nada stora, era mesmo louco. Pedia-lhe logo um cavalo e isso tudo.
Marta: Eu pedia coisas melhores...
Joana: Oh, não digas isso, montar é tão bom!

(E nisto as Martas e a stora desmancham-se a rir e só passado uns momentos me apercebo porquê!!) Está certo, está! Uma pessoa a falar inocentemente e depois elas as três, olha!

2 comentários:

Isabel disse...

Querem ver...uma pessoa já nem rir pode :( que Eu saiba ainda não existe nenhum imposto que se tenha de pagar quando nos rimos!!! Ai Ai...essas mentes!

J.F. disse...

Como a crise está ainda criam um imposto desses e depois é que são elas!! Além de pobres ficamos uns tristes!